A prova mais antiga do atletismo algarvio organizada por um clube, o Corta-Mato do Algueirão, decorre no sábado, dia 2 de dezembro, pelas 15:00, na zona desportiva de Pechão, no concelho de Olhão, esperando a participação de 400 atletas.

A prova, organizada pelo Clube Oriental de Pechão com o apoio do Município de Olhão, vai já na sua 38.ª edição e conta, este ano, com uma vertente solidária, associando-se ao MAPS – Movimento de Apoio à Problemática da Sida.

Este ano, a prova vai colaborar com o projecto «Mexe-te Por Esta Causa», do grupo de práticas III do curso de educação social pós-laboral da Universidade do Algarve (constituído pelas alunas Ana Margarida Lopes e Mafalda Sousa), que se destina a contribuir para a minimização dos efeitos de algumas formas de exclusão social.

Cada participante poderá contribuir com uma peça de vestuário, um agasalho ou uma manta.

Garantida está a presença da atleta olímpica Ana Cabecinha e dos atletas internacionais Edna Barros, Carolina Costa, Rodrigo Marques e Etson Barros.